Marca do OAgregador
Início
Search

Rádio OA

Conteúdo original

Morre Pelé, aos 82 anos

Nascido em Três Corações – MG, iniciou sua carreira aos 13 anos. Pelé atuou em meio a momentos históricos para o Brasil e para o mundo.
Publicado em 29 de dezembro de 2022
por Kássio Kran

Morreu hoje, Edson Arantes do Nascimento aos 82 anos em São Paulo – SP em decorrência de um câncer metastático, originado no colón. Mais conhecido como Pelé, o rei do futebol tratava a doença no Hospital Albert Einstein onde estava internado desde o dia 29 de novembro.

Fato que pouca gente sabe é que o astro nascido em Três Corações – MG, iniciou sua carreira aos 13 anos nas categorias de base do Bauru Atlético Clube, no interior de São Paulo entre 1953 e 1955, indo de lá para o Santos no ano seguinte, seu segundo time oficial de onde só saiu em 1974, já tendo se passado 18 anos e a realização de 1091 gols em 1116 partidas.

Destas partidas Pelé disputou 6 em estádios goianos ao longo de sua carreira, todas pelo Santos Futebol Clube, inclusive o histórico empate de seu time do coração contra o Goiás Esporte Clube em 3 a 3, tendo na ocasião o rei, feito o gol de empate no Serra Dourada, no ano de 1968. Dois anos depois, em 1970 o camisa 10 da Seleção Brasileira conquistava o tri-campeonato da Copa do Mundo.

Ainda em sua época de jogador amador, Pelé chegou a ser impedido de exercer sua função de atacante como condição de alguns jogos e campeonatos devido a sua habilidade. Segundo o acordo, só poderia jogar como goleiro e no máximo zagueiro e caso passasse da linha do meio de campo era considerado falta para o adversário. O histórico do Campeonato Paulista mostra que em 1954 em uma partida amistosa e preliminar contra o time infanto-juvenil campeão daquele ano, a equipe de Pelé, convidada para aquele evento, venceu o jogo por 12 a 1, com 5 gols daquele, que anos mais tarde passou a ser chamado de O Rei.

Vascaíno, marcou seu famoso milésimo gol justamente contra o Vasco da Gama. Realizou sua primeira partida como jogador profissional aos 15 anos de idade e aos 16 foi convocado para a Seleção pela primeira vez e marcou seu primeiro gol contra a maior rival do Brasil, a Argentina.

Aos 17 anos participou de sua primeira Copa do Mundo e sagrou-se campeão, contrariando João Carvalhaes, o psicólogo da CBD (atual CBF) já que o garoto não passou em seus testes, atestando que tinha uma mente infantil e imatura que poderia comprometer o trabalho coletivo. Só que Pelé pensava tão coletivamente que em 3 situações durante seu período profissional deixou o ataque sem ego e atuou como goleiro não sofrendo nenhum gol. Nos treinos e rachas com amigos, costumava brincar nessa posição, tendo inspirado seu próprio herdeiro Edinho a seguir na profissão de arqueiro.

Embora sua mãe não quisesse que o filho se profissionalizasse, Pelé atuou em meio a momentos históricos para o Brasil e para o mundo, tendo jogado por exemplo contra a seleção da URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas) e ao lado de outros gênios como Garrincha, Tostão e Jairzinho. Encerrou sua carreira no Cosmos de New York, time estadunidense em 1977, considerado na época o atleta mais bem pago do planeta com cifras oficiais nunca reveladas. Suas últimas palavras no discurso de despedida dos gramados em jogo entre Cosmos e Santos, nos Estados Unidos foram: “love, love, love”.

Mas nem tudo foi amor na carreira de Pelé. Atuou com muita proximidade do governo militar tendo afirmado que “a ditadura não existe” e que era “contra o comunismo” durante a gestão do gremista Emílio Garrastazu Médici, nos anos considerados os mais repressivos do regime. Em 1970 pouco depois da conquista da terceira Copa do Mundo, o tricampeão negou ajuda a um grupo de santistas presos. Em 1974 negou-se a disputar o campeonato pela seleção canarinho, alegando ser um protesto contra a ditadura.

Leia agora: A relação do Time do Ceres com a política

Contraditório. Sofreu racismo desde o primeiro dia que foi apresentado ao Santos, onde já o chamaram de Petróleo mas criticou o goleiro Aranha também do Santos, quando este enfrentou e denunciou as ofensas racistas de torcedores do Grêmio em derrota do time de Porto Alegre, na Copa do Brasil de 2014.

Por posicionamentos e falas não tão bem aceitas em 2005 o também ex-atacante que foi tetracampeão pela Seleção na Copa de 1994, Romário disparou:

“Pelé calado é um poeta. Quando abre a boca só sai merda. Tinha que colocar um sapato na boca”

Durante a construção dos estádios para a Copa de 2014 no Brasil estouraram os protestos contra corrupção e gastos com o evento esportivo. Pelé foi contra as manifestações e disse ainda que “os brasileiros estavam estragando a festa”. Xuxa Meneghel a rainha dos baixinhos contou ao podcast Papagaio Falante que o Rei, com quem ela namorou por 6 anos tinha dupla personalidade e perfil intransigente na relação.

De origem pobre, dedicou seu milésimo gol às criancinhas e povo sofrido do país, mas rejeitou uma filha chamada Sandra que chegou a ser vereadora em Santos e só foi reconhecida pela Justiça em 1996, mas faleceu 10 anos depois em decorrência de um câncer tal qual o pai. Outro herdeiro é o goleiro Edinho, condenado por homicídio, tráfico de drogas e envolvimento com facções criminosas.

Durante o governo Fernando Henrique, Edson Arantes foi ministro do esporte e a principal polêmica foi a criação da Lei que leva seu nome cuja finalidade era profissionalizar e modernizar o futebol, mas acabou trazendo uma dominação por parte de empresários privados no esporte. Dico, como era chamado pelos familiares e amigos mais próximos era fã na infância de Bilé, goleiro do Vasco da Gama de Minas Gerais, mas não conseguia pronunciar o nome corretamente devido a uma dificuldade com a dicção e trocava a letra b pela p e assim dizia “Pilé”, assim nascia o apelido que é praticamente o nome de uma das personalidades mais conhecidas do planeta.

Brilha mais uma estrela e não é do hexa.

Kássio Kran, para a coluna esportiva Valério Luiz

Ficha Técnica

Texto: Kássio Kran
Imagem: CBF

Os comentários do OAgregador ainda não estão disponíveis. Nossa equipe esta trabalhando para desenvolver um sistema de comentários seguro e anti-robôs para evitar ataques em massa.

Em carta conjunta, empresas de tecnologia explicam como o PL 2630/2020, o PL das Fake News, pode acabar mudando a internet como conhecemos hoje.
Em 12 de agosto de 2021, foi entregue na Prefeitura do Município de Ceres, um abaixo-assinado que conta com mais de 200 assinaturas.

Ao decidir navegar pela Rede OAgregador, você confirma que leu e concorda com a nossa Política de Privacidade.

cropped-oa-icon.png

Não perca
nenhum conteúdo

Siga a rede OAgregador na sua rede social favorita e seja alertado sobre novos conteúdos para você:

cropped-oa-icon.png

Não perca
nenhum conteúdo

Siga a rede OAgregador na sua rede social favorita e seja alertado sobre novos conteúdos para você: